segunda-feira, 26 de setembro de 2022

Dudé Viana lança clipe 'A Guerra das Bancadas' no Youtube

Música: A Guerra das Bancadas (Dudé Viana). Na manhã deste domingo, 25/09, o cantar notável de uma pequena ave no quintal da casa da minha irmã Gesamar, em Natal, me seduziu a cantar essa canção com ela, a 8 dias das eleições gerais no Brasil em 02/10/2022.

Uma boa eleição, gente amiga! Saúde e paz a todos vocês!
Um forte abraço musical!

A Guerra das Bancadas (Dudé Viana) Amigo, me ensina o caminho Sou como uma criança aprendendo andar Amigo, qual é o meu destino? Diga-me por favor onde vou chegar! Fico triste quando vejo A guerra das bancadas! Não há paz na Esplanada! Por que tanta ganância e tanta briga por poder? E a população sempre enganada! Deus me proteja do mal traiçoeiro E me dê a calma de gente pensada A minha voz vem da voz da maioria Na democracia bem estampada!

Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like, comentário ou compartilhe. Obrigado, de coração! Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com (Chave PIX) Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter.

quarta-feira, 14 de setembro de 2022

Dudé Viana lança clipe - Um Canto à Praia de Muriú - no Youtube

Música: Um Canto à Praia de Muriú (Dudé Viana / Rodrigues Neto e Luiz Cláudio). Clipe gravado no início da noite de sexta-feira, 9 de setembro de 2022, durante o 1º Encontro Cultural no Calçadão da Praia de Muriú / RN

Participantes do encontro:

Professor e poeta Luiz Cláudio Professor e poeta Rodrigues Neto Poeta cordelista Paulo Varela
Poeta cordelista Cosme Lopes Ativista e produtor cultural Moura Galvão O artista indígena Porãngueté Professor Alexandro Maia Jornalista e professora Antônia Albuquerque Participação dos Alunos da Escola Estadual de Tempo Integral Augusto Xavier de Góis Participação dos Alunos da Escola Municipal Augusto Xavier de Góis Entre outros poetas.
Filmagem: Vital Júnior Edição de vídeo: Pedro Wlgerlhes
Obrigado a todos pelo apoio!

Um Canto à Praia de Muriú (Dudé Viana / Rodrigues Neto e Luiz Cláudio) Ceará Mirim, você Coisa bela eu posso ver Porto Mirim tem mar manso Já a Prainha é bravo mar O coqueiro a balançar Convida para um descanso Quero ver, eu quero olhar Quero ir ao meio do mar Vou de barco ou de jangada É o meu sonho principal Ver piscina natural Muriú é praia amada Amanhã pela manhã Eu quero ver Jacumã Ao lado de uma pessoa Sentir prazeres diversos Recitar uns belos versos Conhecer sua lagoa Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like, um comentário ou compartilhe. Obrigado, de coração! Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com (Chave PIX) Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter

domingo, 11 de setembro de 2022

Dudé Viana - Vale dizer, que a pior escravidão é a mental

Olá, gente amiga! Vale dizer, que a pior escravidão é a mental. Nascemos para ser livres, mas só assim somos quando raciocinamos livremente. Estamos vivendo no século da luz, do conhecimento, mas com uma onda desordenada que envolve a todos. Acho que a melhor opção é viver com equilíbrio, mesmo dentro da agitação desordenada.

Saúde e paz, gente amiga! Um ótimo domingo e uma semana harmoniosa!
Um forte abraço musical!

Dudé Viana no Estúdio da TVU - UFRN em Natal.

Foto: Érica Lima.

quarta-feira, 7 de setembro de 2022

Dudé Viana - Canto de Liberdade - para celebrar os 200 anos da Independência do Brasil

Oi, gente amiga! Para celebrar os 200 anos da Independência do Brasil, neste 7 de setembro, compartilho ‘Canto de Liberdade’, que compus no final de 1984, antes da Constituição Federal de 1988 e antes da Internet (que ouvia falar), mas que continua atual até hoje.

Já a cantei em diversos eventos por esse país afora e a mesma faz parte dos meus CDs “Acredite em Você” (2002) e do cd ao vivo “Papo show, isso só acontece comigo!” (2009), e deste clipe na Casa de Pedra da Serra de Martins/RN, em 2015, com os amigos poetas Emmanoel Iohanan e Washington Ferreira Fontes, e a fotógrafa Giovanna Silva, de 9 anos de idade.


Muita saúde e paz, gente amiga!
Um forte abraço musical!

Viva o Brasil!

segunda-feira, 5 de setembro de 2022

Dudé Viana e Janaína Leite lançam clipe - Kie Estas Mia Amo? - Celebram Dia da Amazônia (5/9) em Esperanto

Música: ‘Kie Estas Mia Amo?’ (Dudé Viana). Videoclipe com Dudé Viana e a professora e musicista Janaína Leite - em homenagem ao Dia da Amazônia, celebrado nesta segunda-feira (5/9). - “O verde do Esperanto, que significa aquele que tem esperança, com o verde da Amazônia, que é uma esperança para o mundo...”, - disse um amigo meu. Clipe gravado na tarde de quinta-feira, 01 de setembro de 2022, na Trilha dos Saguis, do Campus da UFRN, em Natal.

Filmagem e edição: Pedro Wlgwrlhes

Agradecimentos: Celso Pinheiro Janaína Leite Pedro Wlgerlhes Kie Estas Mia Amo? (Dudé Viana) Kie estas mia amo? Kie kaj kun kiu? Diru al mi amiko Kie estas mia amo? For de mia amo Kien mi iros? Kiu ploras tie ĉi Estas mi, estas mi! La birdo flugas en la ĉambro Kien mi iros, amata Dio?! Mi tial ploras, For de mia amo! Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like, comentário ou compartilhe. Obrigado, de coração! Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter

sexta-feira, 2 de setembro de 2022

Dudé Viana lança clipe de O Enganador, no Youtube, com participação da atriz Tarisca

Olá, gente amiga! Mais um fim de semana chegando, que seja de muita harmonia. Como se sabe, a vida é muito curta para perder tempo com coisas que causam o descontrole emocional, brigas, angústias, dores e até maus-tratos. E o tempo ensina, que fazer as coisas benéficas com o coração aberto, viver fica mais fácil. Sempre existirão desafios, mas vamos rompendo e transformando o mundo no melhor palco!

Gente amiga, esse clipe está bem legal com a participação da atriz Tarisca, se vocês gostarem, deixem aquela força de sempre!
Obrigado, de coração! Saúde e paz, amigos e amigas!
Um forte abraço musical!
(Filmagem e edição: Rubens Medeiros).




Geraldo Maia, ator do programa de TV Cafundó, Tarisca atriz e o músico-compositor Dudé Viana


Fotos: Rubens Medeiros

terça-feira, 30 de agosto de 2022

Dudé Viana: O Uirapuru Potiguarino

 Homenagem

 HÁ 50 ANOS NAS TRILHAS DAS CANÇÕES

Dudé Viana (José Viana Ramalho) é natural do município de Caraúbas/RN, nasceu no Sítio Poço Redondo, no dia 5 de julho de 1950.  Cantor, compositor e violonista, Dudé se mudou para Natal em 1969. Nesta cidade foi feirante e vendia frutas e verduras com um tio, depois foi cobrador de ônibus interurbano na extinta empresa Autoviária Cabral nas linhas: Natal - Assu, Natal - São Rafael e Natal - Caraúbas, quando em uma de suas idas a Caraúbas trouxe de carona sua mãe e seus oito irmãos para Natal.

Começou sua carreira musical no ano de 1972, em Natal, e não parou mais de cantar.  Representante de uma corrente de música popular brasileira, com raízes nordestinas, canta e toca de uma maneira original e intimista, conduzindo o ritmo ao violão e a voz. Dudé Viana é um talento nato: influenciado por violeiros que sempre faziam cantoria na residência do seu avô, João Francisco Viana, aos 10 anos já tocava gaita no interior do RN e logo depois aprendeu a tocar violão e a compor músicas.

Em 1974, foi para o Rio de Janeiro, onde fez alguns trabalhos na noite, e de lá foi, em 1975, para São Paulo, onde atuou na noite. Retornou para o Rio de Janeiro no final de 1976. Foi quando em escreveu o musical infantil “O Sol, o Vento e a Chuva”, que montou em um grupo de teatro no bairro de Marechal Hermes, com a atriz/cantora Maria Zenaide. Ficaram dois anos em cartaz em teatros e escolas da periferia do Rio de Janeiro. Do final da década de 70 até 1982, fez parte do grupo musical “Galho Seco”, no bairro de Bangu, e compôs canções em parceria com os músicos Antônio Alonso e Celso Pinheiro, entre outros.

Atualmente, com seis discos individuais na bagagem, três coletâneas divididas com outros artistas e diversos shows realizados em todo o Brasil, Dudé Viana compôs canções em memória de escritores e poetas potiguares: “Outdoor de Cultura Popular" (homenagem de Dudé a Luís da Câmara Cascudo), "O Pilão Sertanejo” (poema do professor e folclorista Deífilo Gurgel musicado por Dudé) e “A Ponte” (poesia de Zila Mamede a qual Dudé musicou).

Não é demais lembrar que "A Ponte" foi incluída na trilha sonora do curta “Pegadas de Zila”, do cineasta Valério Fonseca, estrelado pela atriz Rosamaria Murtinho. O filme ganhou prêmio do Banco do Nordeste como melhor temática nordestina no 7º Fest Aruanda, realizado em João Pessoa/PB, no ano de 2011.

Discografia: “Seca no Sertão” (1980), “Embaixo das Estrelas” (1987), este com a cantora e atriz Maria Zenaide, o CD “Violas e Cantigas” (1997), o CD “Acredite em Você” (2002), o CD Acústico e ao vivo “Papo Show - isso só acontece comigo!” (2009), com participações do grupo Meirinhos do Forró (atual: Forró Meirão) e do sanfoneiro Caçula Benevides, o CD “O Andarilho das Canções” (2011) e o seu mais recente trabalho, o CD “Flor no Deserto” (2016).

Em 2013, Dudé Viana gravou o seu DVD de 40 anos de música, intitulado: “O Andarilho das Canções – Dudé Viana e amigos”, gravado no Rio Grande do Norte, em Macapá, no Rio de Janeiro e Distrito Federal. 

Participou de importantes projetos coletivos de discos como “Marechal Hermes - 90 anos de encontros musicais”, AsCEM (2002), no Rio, com a música de sua autoria ‘Toque a Vida’, do CD da Assembleia Cultural - AL/RN (2006), em Natal, com a música de sua autoria ‘Acredite em Você’, e do CD “Marechal Hermes - 95 anos de encontros musicais”,AsCEM - RJ (2008), com a música ‘Ah! Se eu fosse um poeta’, de sua autoria em parceria com Salete Pimenta Tavares. E ainda “Seis e Meia”, no Rio e em Natal, “Fim de Tarde” no Rio e shows no “SESC/São Paulo”, e em espaços de diversos estados brasileiros como Distrito Federal, Amapá, Minas Gerais e Paraná. 

Dudé Viana teve vários artigos publicados em jornais já extintos como “Notícias Populares”, de São Paulo, “Gazeta de Notícias”, do Rio de Janeiro, e “Diário de Natal”.  E outros que continuam nos dias atuais em Mossoró e Natal como “Jornal de Fato”, “Jornal Zona Sul” e “Tribuna do Norte”.

Em 2006, Dudé Viana lançou o livro "A Saga Benevides Carneiro", da sua autoria, que enfoca a verdadeira e interessante história da família Benevides Carneiro desde sua origem na Espanha até sua chegada ao Rio Grande do Norte, no século XVIII, e seus dias atuais... Sua junção com as famílias Fernandes, Gurgel, Praxedes (derivada dela) e Ramalho entre outras. Com 2ª Edição lançada em 2010.

Em 2009, A Câmara Municipal de Apodi, confere título de cidadão apodiense a Dudé Viana, pelos relevantes serviços prestados à cidade de Apodi.  Já A Câmara Municipal do Rio de Janeiro, confere voto de louvor e reconhecimento a Dudé Viana, no dia 7 de outubro, Dia Nacional do Compositor.

No momento, Dudé Viana atua na produção de shows e de videoclipes para o seu canal Dudé Viana no Youtube.

segunda-feira, 22 de agosto de 2022

O cantador Dudé Viana e a ternurinha Wanderléa

Oi, gente amiga! Neste 22 de agosto, Dia do Folclore Brasileiro, gostaria de compartilhar com vocês essa matéria "O cantador e a ternurinha" do Diário de Natal (em 2000). No tamanho da página do jornal não dá para ler aqui, mas fica em forma de uma obra de arte.

O Diário de Natal hoje está extinto, mas o cantador Dudé Viana e a ternurinha Wanderléa continuam vivos, firmes e fortes.
Saúde e paz, gente amiga!
Um forte abraço musical!

Matéria do Projeto Seis e Meia do Teatro Alberto Maranhão em Natal-RN, na terça-feira, 17 de outubro de 2000

sexta-feira, 19 de agosto de 2022

Visita de Dudé Viana ao Navio-Veleiro Cisne Branco

O Navio-Veleiro Cisne Branco, da Marinha do Brasil, esteve aberto nesta sexta-feira (19) à tarde no Porto de Natal para visitação pública. O evento faz parte das comemorações pelos 200 anos da Independência do Brasil.

E hoje, 19 de agosto, comemora se o Dia do Historiador, fiz uma dupla comemoração.
Parabéns
a todos que dedicam sua vida a esse ofício tão distinto e notável!
Um ótimo fim de semana, gente amiga! Saúde e paz!
Um forte abraço musical!






domingo, 14 de agosto de 2022

Feliz Dia dos Pais

Oi gente amiga! Feliz Dia dos Pais para todos os pais que dia após dia, todos seus atos são pela a felicidade dos seus filhos!

O meu pai, Zé Daniel, já está com o Pai Celestial.

Saúde e paz, gente amiga!
Um forte abraço musical!

Foto: Érica Lima
 
Dudé Viana, cantor e compositor

quinta-feira, 11 de agosto de 2022

Minhas matérias de jornais de como tudo começou...

Oi, gente amiga! Espero como sempre que vocês estejam todos bem! Essa matéria do jornal: O Grande Natal (hoje extinto) de 18 de agosto 2002, falava de 20 anos atrás, 1972, hoje são 50 anos de andanças culturais, por muitos caminhos já passei levando paz, amor e canções... como mostra essa matéria do meu perfil e essas outras duas do conceituado jornal: Diário de Natal (hoje extinto). - Depois eu publico outras matérias.

Saúde e paz sempre a cada um de vocês!
Um forte abraço musical!




quinta-feira, 4 de agosto de 2022

Dudé Viana no 4º Encontro da Família Ramalho em Caraúbas/RN (2022)

Música: 'Bem Que Eu Queria' (Dudé Viana / Delei Duarte) - Clipe com um pouquinho deste cantautor Dudé Viana (José Viana Ramalho) no 4º Encontro da Família Ramalho realizado em Caraúbas / RN, no último sábado (30/07/2022). Parabéns por mais um belo encontro, Família Ramalho! Deus sempre e abençoado seja cada um de vocês!


Vídeo captado por Rose Ramalho Edição de vídeo por Gilberto Garcia Bem Que Eu Queria (Dudé Viana / Delei Duarte) Bem que eu queria Ter você comigo agora Pegar na tua mão E caminhar pela beira do mar Ficar contigo dar um beijo em tua boca Sentir o teu abraço nessa noite de luar. E a noite inteira a gente fica se amando Se abraçando, se beijando, a lua nos admirar. Vem meu amor Vem ficar juntinho de mim Assim, assim, assim Até o dia clarear... Vem meu amor Vem ficar juntinho de mim Bem juntinho de mim Nessa noite de luar. Eu disse sim até o dia clarear Viu meu bem É nessa noite de luar...

Foto do encontro dos Ramalho em Caraúbas / RN, em 2022 (Fonte: Rose Ramalho)

Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like, comentário ou compartilhe. E quem puder ajudar o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor (Pix: dudeviana@gmail.com) Obrigado, de coração! 

Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) 
E-mail: dudeviana@gmail.com 
Facebook.com/Dudé Viana 
Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter

quarta-feira, 27 de julho de 2022

Dudé Viana lança clipe de Música que Transforma em gratidão ao apoio de internautas

Música que Transforma (Dudé Viana). Gratidão aos amigos e amigas internautas pelo apoio! O canal Dudé Viana não estaria hoje aqui, sem a força de cada um de vocês. Obrigado, de coração!

Muito grato, cinegrafista e amigo Pedro Jailton - Estúdio Oliveira!

Clipe gravado (em 10/07/2022) na Praça João Bosco Benevides (em Caraúbas) com trechos de imagens na Serra São José (em Venha-Ver) no Sítio Rapé (no município de Apodi) e na Serra da Barriguda (em Alexandria) ambos lugares na região Oeste potiguar. Música que Transforma (Dudé Viana) Acredito nesse mundo Que olha para a música Além do toque musical Que promove consciência E mais compromisso Socioambiental Cantando em cima de serras Nas cidades e nos sertões Música que transforma Nossa vida em canções Vem com a gente passear Nessa vereda tropical E se assim você gostar Se inscreva no canal!
Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like ou comentário no clipe. E quem puder ajudar o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor (Pix: dudeviana@gmail.com) Obrigado, de coração! Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter.

sábado, 23 de julho de 2022

Dudé Viana lança clipe de São João do Vovô e fotos da gravação na Lagoa do Apanha Peixe

Música: 'São João do Vovô' (Dudé Viana / Nilson Vianna). Clipe no Balneário2 da Lagoa do Apanha Peixe, no município de Caraúbas - RN, com Dudé Viana, Nilson Vianna e Lacerda Viana, gravado ao vivo no domingo, 10 de julho de 2022, durante o almoço em comemoração aos clipes feitos por Pedro Jailton e essa turma bacana, entre outros, para o canal Dudé Viana no youtube.

Agradecimentos: Francisco Aires Edjanete Fernandes Lorena Thalia Viana Josemiro Xavier Professor Canindé Léo Viana Nilson Vianna Lacerda Viana Mazinho Morais Apoio cultural: Damião Gurgel Francisco Aires Filmagem e edição: Pedro Jailton (Estúdio Oliveira) Obrigado, primos e amigos, de coração! São João do Vovô (Dudé Viana e Nilson Vianna) Era assim o São João na casa do Vovô Era assim o São João na casa do Vovô Todo ano era assim, na Festa de São João Três dias de folia, na casa do Vovô Violeiro na varanda e muita gente na calçada Na janela e no terreiro ouvindo o cantador Muita alegria no sorriso das pessoas A festa animada virava a madrugada O povo todo brincava com amor Era assim o São João na casa do Vovô Era assim o São João na casa do Vovô (biz) Moças e rapazes se esquentavam e se beijavam Conversa e poesia em clima de amor Comidas típicas de festa junina E uma fogueira iluminava o louvor Gente de todo canto querendo mais brincadeira Quando o tocador anunciava a saideira Até o próximo ano anunciava o vovô Vai ter São João de novo em nome do Senhor Era assim o São João na casa do Vovô Era assim o São João na casa do Vovô.

Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. E quem puder ajudar o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor (Pix: dudeviana@gmail.com) Obrigado, de coração! Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter.








Fotos: Pedro Jailton

terça-feira, 19 de julho de 2022

Dudé Viana lança clipe de 'Semblante', gravado na Praça João Bosco Benevides em Caraúbas (RN)

Música: ‘Semblante’ (Dudé Viana e Roberto Homem). Clipe com participação de Rilbano Benevides, gravado na Praça João Bosco Benevides, no início da noite de domingo, 10 de julho de 2022, em Caraúbas (RN).

SEMBLANTE (Dudé Viana e Roberto Homem) Quando li no seu semblante Que o fim tinha chegado Entendi, naquele instante: Nosso caso era passado Quis seguir o meu destino Degustar o que me resta Fui amar e ser amado Ser feliz na minha festa Eu senti as mãos tão frias Congelei meus pensamentos Me liguei nas alegrias Foram tantos os momentos... Perdi tudo o que não tive Sua vida, nossa história Mas paixão não sobrevive Quando apaga da memória Perdi tudo o que não tive Sua vida, nossa história Mas paixão não sobrevive Quando apaga da memória Siga em paz o seu caminho Minha vida não lhe importa Já não quero o seu carinho Vá bater em outra porta Fico em paz no meu quadrado Rogo o bem pro seu futuro Vou amar, mas sendo amado Com você não me misturo.

(Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. E quem puder ajudar o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com - Obrigado, de coração!) Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter

domingo, 17 de julho de 2022

O improviso A3 dos primos Viana

Oi gente amiga! Esse clipe é 'O improviso A3 dos primos Viana', durante a gravação de um clipe em comemoração aos clipes feitos por Dudé Viana e amigos, na região Oeste potiguar, para o canal Dudé Viana no Youtube, com filmagem de Pedro Jailton (Estúdio Oliveira).

A gravação comemorativa com a presença de participantes dos clipes, aconteceu no domingo, 10 de julho de 2022, com almoço no Balneário2 da Lagoa do Apanha Peixe, no município de Caraúbas - RN.

Muita saúde e paz, gente amiga!

Um forte abraço musical!


Dudé Viana ladeado por Nilson Vianna e Lacerda Viana

Nilson Vianna, Dudé Viana e Lacerda Viana

Foto: Pedro Jailton

sábado, 16 de julho de 2022

Dudé Viana lança clipe de 'Pelas Estradas da Vida' no Youtube

Música: 'Pelas Estradas da Vida' (Dudé Viana / João Neto). Clipe gravado na Fazenda São Vicente (o berço da Família Gurgel) e no Sítio Xique Xique (do Zé Sena) na velha estrada entre Umarizal e Apodi, no município de Caraúbas (RN) na manhã de domingo, 10 de julho de 2022.

Agradecimentos Damião Gurgel (apoio cultural) Professor Canindé (transporte) Josemiro Xavier (condutor) Rochael Maia (autorização) Sebastião Neto (morador da São Vicente) Maria de Fátima (do Xique Xique) Pedro Jailton (Estúdio Oliveira)


Pelas Estradas da Vida (Dudé Viana / João Neto) Pelos caminhos por onde passei Levando paz, amor e canções As coisas lindas que sempre cantei A água fria que molha meu rosto O vento forte que sopra meu peito Na minha estrada tudo é perfeito Eu vou cortando essa longa estrada E a natureza me acompanhando Voando alegre como um passarinho E o sol que brilha no meu caminho Plantando flores, colhendo alegria Meu canto explode cheio de harmonia Por entre rosas já pisei em espinho A vida é curta, o tempo é caminho Nessas estradas não estou sozinho Estou com Deus, amor e meu pinho O meu sertão me recebe lembrando Da casa grande que foi o meu ninho Eu sou feliz por essas estradas Porque a vida me proporcionou A liberdade, a fé nas jornadas Minhas pisadas o tempo registrou.
(Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. E quem puder ajudar o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com - Obrigado, de coração!) Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter.

domingo, 3 de julho de 2022

Dudé Viana lança clipe de 'Canto das Sete Artes' no Youtube

Música: Canto das Sete Artes (Dudé Viana). Uma saudação a quem vive da arte: Música, Dança, Pintura, Escultura, Teatro, Literatura e Cinema... Clipe gravado na tarde de sexta-feira, 1º de julho de 2022, na Livraria Cooperativa Cultural da UFRN em Natal

Nossos agradecimentos a Carla Vieira, da gerência, e aos demais funcionários da Livraria Cooperativa Central - UFRN
Filmagem e edição: Pedro Wlgerlhes Canto das Sete Artes (Dudé Viana) A Música é a arte da entoação Melodia, harmonia e ritmo E mais a letra na afinação A Dança é uma porta para o bem da mente E o seu compasso refletido no corpo Dá mais saúde para essa gente A Pintura é rupestre em pedras do sertão Em tela, em papel, em parede É sentimento, é amor, emoção A Escultura é um dom divino da criação Por suas formas plásticas Obra de arte esculpida para a exposição O Teatro é a arte mais viva da cena cultural Dramas e comédias de todo o Universo Em palco de arquitetura genial A Literatura é a palavra em papel Revelando o ser humano As cores e dores, o fel e o mel O Cinema é a vida passando na tela São os filmes, os closes e movimentos Câmera e luz captando a atriz na janela.


(Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. E quem puder ajudar o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com / Agradeço de coração a todos!) Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter

quarta-feira, 8 de junho de 2022

Dudé Viana lança clipe 'Cantando o meu Nordestão' no Youtube

Música: 'Cantando o meu Nordestão' (Dudé Viana / Luiz Cláudio). Oi, gente amiga! Para quem não sabe este ano estou completando 50 anos de encontros musicais pelo país afora. E essa canção tem tudo a ver comigo e com as coisas do meu lugar.

Gratidão pela força de sempre de cada um de vocês! Vamos juntos! Saúde e paz!


Cantando o meu Nordestão (Dudé Viana / Luiz Cláudio) Há meio século Me enrosco pelos palcos da vida A canção te convida Nesta simples viagem Não precisa de passagem Venham não são miragens São luzes, são plateias Florescem nas mentes, novas ideias Capte bem, o espírito dos novos tempos Não sei o que são contratempos Sou andarilho das canções Sigo alegrando corações Não sai dos meus pensamentos Os grandes acontecimentos No nordeste brasileiro Divino e sagrado celeiro Nesse canto ameno e certeiro Destaco o pau brasil A lavoura canavieira E o vaqueiro aboiando Meus dados vou jogando Por essa bela região Suas praias, seus grandes empreendimentos Sua cultura, seu povo e seus monumentos Assim sendo, meu amigo, meu irmão Sempre cantando o meu nordestão. (Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. E quem puder ajudar o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com / Agradeço de coração a todos!) Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter

sábado, 4 de junho de 2022

Dudé Viana lança clipe de Alegria é Saúde da Alma no Youtube

Música: Alegria é Saúde da Alma (Dudé Viana). Clipe com participação especial da poetisa francesa Sophie Foray (@fiso_flor) e do músico/cantor gaúcho Alexandre Rota (Poética Planetária Subtropicalista), gravado ao vivo na Casa do Cordel, em Natal - RN, na manhã de quarta-feira, 01 de junho de 2022.

Gratidão a Sophie Foray e Alexandre Rota, pela participação voluntária em nosso clipe!
Audiovisual: Rubens Medeiros Aos poetas: Abaeté do Cordel (Proprietário da Casa do Cordel) e Chico de Iaiá (Presidente). E a Deus acima de tudo!

Alegria é Saúde da Alma (Dudé Viana) Alegria é saúde da alma Otimismo é alegria de amanhã OOba! E lá vou eu Alegre e confiante de que vou vencer Por maiores que sejam Os obstáculos do meu caminho Não vou esmorecer EEba! Eu vou com afeição Inclinação da alma e do coração Por maiores que sejam Os obstáculos do meu caminho Não vou esmorecer (Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. E quem puder ajudar o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com / Agradeço de coração a todos!) Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter

domingo, 29 de maio de 2022

Dudé Viana - Estrelinhas de Papel - que sempre é pedida nos meus papos shows

Música: ‘Estrelinhas de Papel’ (Dudé Viana). Vídeo do dia da gravação do clipe: O Milagre das Águas, na barragem Santa Cruz do Apodi, em 20 de março de 2022. O cinegrafista Pedro Jailton, além do clipe combinado, fez outros 4 clipes de músicas que cantei durante o almoço após à gravação. Os outros clipes já estão aqui no nosso canal.

sábado, 21 de maio de 2022

Felizes são os que cantam, os que proferem a paz, mesmo sofrendo as dores do mundo

Olá, gente amiga! Feliz fim de semana com sabor de saúde e paz!

Felizes são os que sofrem injúria, mas preferem a arte de manter a calma e a consciência limpa.

Felizes são os que preferem o caminho dos mansos.

Felizes são os que sofrem todo o mal contra vós, mas mostram que é possível dar a volta por cima sem violência.  

Felizes são os que cantam, os que proferem a paz, mesmo sofrendo as dores do mundo.

- Muita saúde e paz, amigos e amigas!

- Um forte abraço musical a todos!

Imagem de Dudé Viana na barragem do Rio do Mari, no Sítio Poço Redondo, durante a gravação do clipe da música 'Nas Rédeas do Vaqueiro', em homenagem aos 100 anos do seu pai o saudoso vaqueiro Zé Daniel em 14 de maio de 2022. 

segunda-feira, 16 de maio de 2022

Dudé Viana - Nas Rédeas do Vaqueiro - no Sítio Poço Redondo em homenagem aos 100 anos de José Daniel Carneiro

Música: Nas Rédeas do Vaqueiro (Dudé Viana / Tião Maia). Clipe com a participação de Gesamar Benevides e Cristina Praxedes. Apoio: Josemiro Xavier. Imagens e edição: @thiago.p.amorim

Epílogo:

No dia 14 de maio de 1922, há 100 anos, nascia José Daniel Carneiro, conhecido popularmente como Zé Daniel, vaqueiro do Sítio Poço Redondo, no município de Caraúbas/RN. Nasceu no Sítio Língua de Vaca, do mesmo município, mas ficou órfão de pai e mãe, e aos 2 anos de idade foi adotado por Hermano Fernandes, proprietário do Sítio Poço Redondo. Hoje, 14 de maio de 2022, dia do seu centenário, fizemos esse simples clipe em forma de homenagem a ele que foi para a morada celestial em 2 de março de 2017.



Nas Rédeas do Vaqueiro
(Dudé Viana / Tião Maia) Quando o sol abrilhanta o céu claro O vaqueiro desperta alegremente Põe logo os arreios no cavalo E a cela bordada lindamente Veste a roupa de couro ensebado O paletó é o gibão todo decente É couraça e a sua armadura Pespontado de arreatas na costura É valente, é peão, é casca dura É do mato, é do sertão, é consistente O vaqueiro só vive para o boi Em função deste boi é que ele vive E de couro sua roupa sempre foi Resistente a espinho do perigo Tem por dentro um forte para-peito As perneiras e as luvas dedo largos Alpercatas trançadas a seu jeito Tem botinas ou sapatão fechados Galopando no oeste potiguar Até o sol ficar todo encarnado O chapéu de couro na cabeça Que protege do sol e do forte golpe É o símbolo por mais simples que pareça Da vaquejada, da história e do galope Também serve de cuia pra beber água Pra comer o alimento de sustança Pra quebrar sobre o olho na lambança Escondendo seu olhar calmo e faceiro É amor, é emoção o tempo inteiro São as coisas da vida do vaqueiro A aridez do clima ele domina A agressividade da flora é seu enfeite A periodicidade da seca lhe fascina A esterilidade do solo é seu leite Nas serranias desnudas ele acontece E não é um incipiente domesticado Essa ingrata região não lhe enternece Grotas fundas, tabuleiros e chapadas O cavalo é o companheiro que trabalha Nas veredas que o sertão lhe fornece E lá vai ele cuidando do seu gado Se embrenhado no mato a procura Do boi que do rebanho separado Se perdia pela caatinga escura Ele dorme ao relento sob o céu Ou na sombra de um pé de juá Alimentando-se de frutos, broto e mel Bebendo água das fontes que brotar Exercitando seus estalos culturais Com rebanhos, independência e currais Com essa poeira modelou-se o vaqueiro Fez-se homem, e quase nem foi criança. Atravessa a vida em artifícios ligeiros Fez-se forte e prático na resignança. Compreendeu-se no combate sem trégua Cedo encarou a existência tormentosa No isolamento do ermo ensimesmou-se Se tornando bárbaro, impetuoso e profundo O vaqueiro é guerreiro e assim formou-se Boca da noite se abre e engole o mundo. (Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. E se puder contribua com o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com / Agradeço de coração a todos!) Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana
Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter.

José Daniel Carneiro


José Daniel Carneiro

segunda-feira, 2 de maio de 2022

Imagens da mini turnê de Dudé Viana e os poetas da Casa do Cordel

Um pouquinho da mini turnê de Dudé Viana e os poetas da Casa do Cordel: Abaeté do Cordel, Chico de Iaiá e o poeta/mágico Capitão Jack. No final do mês de abril, 28 em Caraúbas, na Escola Professora Leônia Gurgel, 29 em Messias Targino, na Escola Estadual Apolinária Jales, e 30 em Patu, na Casa Suassuna. 

Poeta cordelista Chico de Iaiá

Poeta cordelista Abaeté do Cordel 

Poeta cordelista e mágico Capitão Jack

Músico/compositor Dudé Viana na Escola Professora Leônia Gurgel em Caraúbas.

II

Fotos: Pôla Pinto. Escola Estadual Apolinária Jales

O poeta e mágico Capitão Jack e o poeta Pedro Lopim

Poeta violeiro Damião Pereira

Dudé Viana

Poeta cordelista Pedro Lopim

III

Clipes com Dudé Viana

Clipe de Dudé Viana cantando Estrelinhas de Papel ao vivo com os estudantes da Escola Estadual Apolinária Jales, em Messias Targino, na tarde de sexta-feira, 29 de abril de 2022. 

Clipe de Dudé Viana cantando um pouco de 'Bem Que Eu Queria' (Dudé Viana/Delei Duarte), um pouquinho do nosso show, em Patu/RN, na noite de sábado, 30 de abril de 2022, na Casa Suassuna. Com este cantautor e os poetas da Casa do Cordel: Abaeté do Cordel, Chico de Iaiá e poeta/mágico Capitão Jack. E as atrações patuenses: Silvio Túlio Suassuna, Remo Suassuna, Conde Suassuna e Raniery Teixeira, todos muito talentosos! 
Obrigado, gente amiga!
                                            
Olha nós na Igrejinha do Santuário do Lima, de Nossa Senhora dos Impossíveis, nosso aquecimento pela manhã para o show de sábado à noite na Casa Suassuna.
Poetas: Chico de Iaiá, este Cantautor, Abaeté do Cordel e o poeta/mágico Capitão Jack.
Muita saúde e paz, gente amiga!
Um forte abraço musical!