sábado, 21 de maio de 2022

Felizes são os que cantam, os que proferem a paz, mesmo sofrendo as dores do mundo

Olá, gente amiga! Feliz fim de semana com sabor de saúde e paz!

Felizes são os que sofrem injúria, mas preferem a arte de manter a calma e a consciência limpa.

Felizes são os que preferem o caminho dos mansos.

Felizes são os que sofrem todo o mal contra vós, mas mostram que é possível dar a volta por cima sem violência.  

Felizes são os que cantam, os que proferem a paz, mesmo sofrendo as dores do mundo.

- Muita saúde e paz, amigos e amigas!

- Um forte abraço musical a todos!

Imagem de Dudé Viana na barragem do Rio do Mari, no Sítio Poço Redondo, durante a gravação do clipe da música 'Nas Rédeas do Vaqueiro', em homenagem aos 100 anos do seu pai o saudoso vaqueiro Zé Daniel em 14 de maio de 2022. 

segunda-feira, 16 de maio de 2022

Dudé Viana - Nas Rédeas do Vaqueiro - no Sítio Poço Redondo em homenagem aos 100 anos de José Daniel Carneiro

Música: Nas Rédeas do Vaqueiro (Dudé Viana / Tião Maia). Clipe com a participação de Gesamar Benevides e Cristina Praxedes. Apoio: Josemiro Xavier. Imagens e edição: @thiago.p.amorim

Epílogo:

No dia 14 de maio de 1922, há 100 anos, nascia José Daniel Carneiro, conhecido popularmente como Zé Daniel, vaqueiro do Sítio Poço Redondo, no município de Caraúbas/RN. Nasceu no Sítio Língua de Vaca, do mesmo município, mas ficou órfão de pai e mãe, e aos 2 anos de idade foi adotado por Hermano Fernandes, proprietário do Sítio Poço Redondo. Hoje, 14 de maio de 2022, dia do seu centenário, fizemos esse simples clipe em forma de homenagem a ele que foi para a morada celestial em 2 de março de 2017.



Nas Rédeas do Vaqueiro
(Dudé Viana / Tião Maia) Quando o sol abrilhanta o céu claro O vaqueiro desperta alegremente Põe logo os arreios no cavalo E a cela bordada lindamente Veste a roupa de couro ensebado O paletó é o gibão todo decente É couraça e a sua armadura Pespontado de arreatas na costura É valente, é peão, é casca dura É do mato, é do sertão, é consistente O vaqueiro só vive para o boi Em função deste boi é que ele vive E de couro sua roupa sempre foi Resistente a espinho do perigo Tem por dentro um forte para-peito As perneiras e as luvas dedo largos Alpercatas trançadas a seu jeito Tem botinas ou sapatão fechados Galopando no oeste potiguar Até o sol ficar todo encarnado O chapéu de couro na cabeça Que protege do sol e do forte golpe É o símbolo por mais simples que pareça Da vaquejada, da história e do galope Também serve de cuia pra beber água Pra comer o alimento de sustança Pra quebrar sobre o olho na lambança Escondendo seu olhar calmo e faceiro É amor, é emoção o tempo inteiro São as coisas da vida do vaqueiro A aridez do clima ele domina A agressividade da flora é seu enfeite A periodicidade da seca lhe fascina A esterilidade do solo é seu leite Nas serranias desnudas ele acontece E não é um incipiente domesticado Essa ingrata região não lhe enternece Grotas fundas, tabuleiros e chapadas O cavalo é o companheiro que trabalha Nas veredas que o sertão lhe fornece E lá vai ele cuidando do seu gado Se embrenhado no mato a procura Do boi que do rebanho separado Se perdia pela caatinga escura Ele dorme ao relento sob o céu Ou na sombra de um pé de juá Alimentando-se de frutos, broto e mel Bebendo água das fontes que brotar Exercitando seus estalos culturais Com rebanhos, independência e currais Com essa poeira modelou-se o vaqueiro Fez-se homem, e quase nem foi criança. Atravessa a vida em artifícios ligeiros Fez-se forte e prático na resignança. Compreendeu-se no combate sem trégua Cedo encarou a existência tormentosa No isolamento do ermo ensimesmou-se Se tornando bárbaro, impetuoso e profundo O vaqueiro é guerreiro e assim formou-se Boca da noite se abre e engole o mundo. (Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. E se puder contribua com o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com / Agradeço de coração a todos!) Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana
Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter.

José Daniel Carneiro


José Daniel Carneiro

segunda-feira, 2 de maio de 2022

Imagens da mini turnê de Dudé Viana e os poetas da Casa do Cordel

Um pouquinho da mini turnê de Dudé Viana e os poetas da Casa do Cordel: Abaeté do Cordel, Chico de Iaiá e o poeta/mágico Capitão Jack. No final do mês de abril, 28 em Caraúbas, na Escola Professora Leônia Gurgel, 29 em Messias Targino, na Escola Estadual Apolinária Jales, e 30 em Patu, na Casa Suassuna. 

Poeta cordelista Chico de Iaiá

Poeta cordelista Abaeté do Cordel 

Poeta cordelista e mágico Capitão Jack

Músico/compositor Dudé Viana na Escola Professora Leônia Gurgel em Caraúbas.

II

Fotos: Pôla Pinto. Escola Estadual Apolinária Jales

O poeta e mágico Capitão Jack e o poeta Pedro Lopim

Poeta violeiro Damião Pereira

Dudé Viana

Poeta cordelista Pedro Lopim

III

Clipes com Dudé Viana

Clipe de Dudé Viana cantando Estrelinhas de Papel ao vivo com os estudantes da Escola Estadual Apolinária Jales, em Messias Targino, na tarde de sexta-feira, 29 de abril de 2022. 

Clipe de Dudé Viana cantando um pouco de 'Bem Que Eu Queria' (Dudé Viana/Delei Duarte), um pouquinho do nosso show, em Patu/RN, na noite de sábado, 30 de abril de 2022, na Casa Suassuna. Com este cantautor e os poetas da Casa do Cordel: Abaeté do Cordel, Chico de Iaiá e poeta/mágico Capitão Jack. E as atrações patuenses: Silvio Túlio Suassuna, Remo Suassuna, Conde Suassuna e Raniery Teixeira, todos muito talentosos! 
Obrigado, gente amiga!
                                            
Olha nós na Igrejinha do Santuário do Lima, de Nossa Senhora dos Impossíveis, nosso aquecimento pela manhã para o show de sábado à noite na Casa Suassuna.
Poetas: Chico de Iaiá, este Cantautor, Abaeté do Cordel e o poeta/mágico Capitão Jack.
Muita saúde e paz, gente amiga!
Um forte abraço musical!

terça-feira, 26 de abril de 2022

Oi, gente amiga! É nesta quinta, sexta e sábado em 3 cidades do RN. Imperdível!

Olá gente amiga! Estaremos nesta quinta-feira, 28, em Caraúbas, sexta, 29, em Messias Targino e sábado, 30, em Patu. Você é nosso convidado!

Muita saúde e paz a todos!
Um forte abraço musical!

Em Caraúbas / RN

Em Messias Targino / RN

Em Patu / RN

quinta-feira, 21 de abril de 2022

Choro do Caçuá celebra Dia Nacional do Chorinho neste sábado 23 de abril

Choro do Caçuá celebra Dia Nacional do Chorinho 

A Praça da Alegria, que hoje nós, potiguares, conhecemos como praça Padre João Maria, por meio de um decreto baixado pelo então prefeito de Natal em 1905, era um ponto de passagem obrigatório de procissões e palco para performances de artistas e apresentações teatrais amadoras. Por muito tempo, fiéis frequentavam a praça para acender velas para pagar, fazer promessas e reafirmar a devoção ao homenageado Padre João Maria. Além disso, tinha também uma feirinha de artesanato onde os visitantes podiam apreciar e adquirir as peças expostas pelos artistas da terra, sendo um local de grande movimentação cultural, comercial e espiritual.



Com a expansão da cidade, concomitantemente com a descentralização do comércio, a Praça Padre João Maria, assim como todo o centro histórico de Natal, vem sentindo cada vez mais, a baixa frequência da população local, fenômeno que tem causado enormes preocupações, principalmente dos comerciantes que lá atuam há bastante tempo. Foi em função disso que um grupo de abnegados artistas da música popular potiguar, comandado pelo multi-instrumentista Carlos Zens, resolveram criar, em 2019, o Projeto Choro do Caçuá; trata-se de uma roda de choro na sua forma instrumental formada por músicos instrumentistas potiguares e apaixonados por esse gênero musical e que, atualmente, é apreciado no mundo inteiro pelas suas características peculiares genuinamente brasileiras. O Choro do Caçuá é uma ação sociocultural com várias finalidades, entre elas, de contribuir na revitalização do centro histórico de Natal, promover a prática coletiva e interação musical com os frequentadores, bem como movimentar a região, trazendo emprego e renda para população local.   

No dia 23 de abril, em dois momentos 10h e às 15 horas, na PRAÇA PADRE JOÃO MARIA, centro histórico de Natal, “os chorões” potiguares, como é assim conhecido entre àqueles que estudam e tocam o gênero musical, o Choro do Caçuá celebrará o DIA NACIONAL DO CHORINHO, data escolhida por ser o aniversário de nascimento de Pixinguinha pela sua relevância ao estilo e contribuição para a música brasileira. Na ocasião, o evento contará com a participação especial do Grupo de Prática de Conjunto de Choro do Núcleo de Arte e Cultura da Universidade Federal Rural do Semiárido de Mossoró (UFERSA).

 

CURIOSIDADE

O Dia Nacional do Chorinho é comemorado no dia 23 de Abril em homenagem Alfredo da Rocha Vianna Filho, que nasceu nesse dia no ano de 1897 mais conhecido como Pixinguinha. Autor do clássico “Carinhoso”, aos 24 anos já era um Músico virtuoso completo, era também arranjador e compositor. Conforme consta no documentário: Pixinguinha, ao mestre com carinho exibido no Programa caminhos da reportagem, Pixinguinha iniciou na música ainda criança, ouvindo e observando o pai, que era funcionário dos Correios e Telégrafos e que gostava de reunir os amigos para tocar chorinho na pensão administrada pela família. Por volta de 1919, montou OS 8 BATUTAS, O Grupo formado pela maioria de pessoas negras e pardas, logo conquistou o público com seu estilo peculiar de tocar, após passar apresentar-se nas salas do cinema carioca, o que era comum naquela época. Ainda no citado Documentário, o sucesso rendeu um convite do empresário Arnaldo Guinller para o grupo representar o Brasil em Paris. Esse feito gerou um clima de racismo enorme por uma parte da elite brasileira. Segundo o Jornalista e Pesquisador Pedro Paulo Malta, o Jornalista Júlio Reis disse na época: “chocado com o sucesso daqueles negros pardavascos” ... e, afirma ainda o Pesquisador Malta: o episódio de racismo vai se repetir em 1922, numa outra viagem pela Argentina, quando novamente uma parte da sociedade fica chocada com o sucesso do grupo, “como podem? representar a música popular brasileira com esse tipo de música rudimentar!” concluiu o pesquisador sobre o que dizia uma parte da imprensa brasileira da época. Pixinguinha faleceu dia 13 de fevereiro de 1973, após um enfarto, deixando um legado que engradece a música e a cultura brasileira, até os dias atuais.

RODA DE CHORO: Choro do Caçuá

LOCAL: PRAÇA PADRE JOÃO MARIA (Centro Histórico de Natal)]

DATA: 23 de abril de 2022

HORA: Manhã às 10h e a tarde às 15h

APOIO CULTURAL: Oficina Livre de Música/Estação do Cordel/Maria boa produtora

TEXTO: Armando Souza/ FOTO: Franklin Levy 

APOIO DE MÍDIA: Potiguar Notícias

 Fonte: Armando Souza

segunda-feira, 18 de abril de 2022

Dudé Viana canta "Bem Que Eu Queria" no almoço após gravação de clipe na barragem Santa Cruz do Apodi

Música: Bem Que Eu Queria (Dudé Viana / Delei Duarte). Um xote bem original no horário de descanso do almoço após a gravação do videoclipe “O Milagre das Águas”, na manhã de domingo, 20 de março de 2022, na barragem Santa Cruz do Apodi / RN. Com filmagem e edição de Pedro Jailton (Estúdio Oliveira). Participação e apoio de Francisco Aires, Edjanete Fernandes, Vancildo Alves, Francisco de Assis, Léo Viana, Josemiro Xavier e Chico Augusto, entre outros. Prestigiem nosso canal!

Gratidão a todos pela participação voluntária!


Bem Que Eu Queria
(Dudé Viana / Delei Duarte) 

Bem que eu queria 
Ter você comigo agora 
Pegar na tua mão 
E caminhar pela beira do mar 
Ficar contigo dar um beijo em tua boca 
Sentir o teu abraço nessa noite de luar. 

E a noite inteira a gente fica se amando 
Se abraçando, se beijando, a lua nos admirar. 
Vem meu amor 
Vem ficar juntinho de mim 
Assim, assim, assim 
Até o dia clarear... 

Vem meu amor 
Vem ficar juntinho de mim 
Bem juntinho de mim 
Nessa noite de luar.
 Eu disse sim até o dia clarear 
Viu meu bem 
É nessa noite de luar... 

(Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. E se puder contribua com o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com / Agradeço de coração a todos!) 

Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) 
E-mail: dudeviana@gmail.com 
Facebook.com/Dudé Viana 
Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter

sexta-feira, 15 de abril de 2022

Dudé Viana - O Ovo - Feliz Páscoa!

Música: O Ovo (Dudé Viana). Clipe com participação dos poetas: Chico de Iaiá e Abaeté do Cordel, gravado na Casa do Cordel, em Natal / RN.

O Ovo (Dudé Viana) Símbolo do nascimento e da vida O ovo é considerado Ressurreição de Jesus Cristo No olhar santificado Nova vida para toda a humanidade Esperança em um mundo melhorado. Feliz Páscoa!

(Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. Quem puder ajudar o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com / Agradeço de coração a todos!)

Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter

sexta-feira, 8 de abril de 2022

Dudé Viana lança vídeo de 'Amo' gravado no descanso do almoço da gravação do clipe O Milagre das Águas na barragem do Apodi

Música: Amo (Dudé Viana / Zelma Furtado). Vídeo gravado no descanso do almoço da gravação do clipe O Milagre das Águas, na manhã de domingo, 20 de março de 2022, na barragem Santa Cruz do Apodi / RN. Com filmagem e edição de Pedro Jailton (Estúdio Oliveira). Participação e apoio de Francisco Aires, Edjanete Fernandes, Vancildo Alves, Francisco de Assis, Léo Viana, Josemiro Xavier e Chico Augusto, entre outros. Prestigiem nosso canal!

Gratidão a todos pela participação voluntária!

AMO
(Dudé Viana / Zelma Furtado)

Amo tua boca de uva
E o teu rosto.
Amo tua gargalhada cheia de gosto
E os teus olhos de sol-posto.
Amo as nuvens dum céu de agosto
E o teu beijo
Quando me beijas com gosto.

Eu amo, eu amo, eu amo... 

Amo tua força, certeza e fragilidade 
E o teu egoísmo de me querer só para ti 
Amo o teu vício de mim, 
O teu vício de mim, eu amo. 
Amo os silêncios e mistérios 
De que és feita 
E a tua timidez 
Quando coras até as orelhas. 

Eu amo, eu amo, eu amo... 

Amo a tua estatura mediana 
E a tua maneira de se vestir bem 
Amo este sinal que tens junto à boca 
Como amo também 
Tuas rugas nos cantos dos olhos. 
Amo mais que tudo isso, 
Amo os livros que lês 
Os filmes vês, os amigos que gostas 
Amo tudo, amo tudo, tudinho de você... 

Eu amo, eu amo, eu amo você! 

(Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. 
Quem puder ajudar o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com / Agradeço de coração a todos!) 

Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) 
E-mail: dudeviana@gmail.com 
Facebook.com/Dudé Viana 
Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter

sábado, 2 de abril de 2022

Dudé Viana lança clipe - O Milagre das Águas - gravado na Barragem de Santa Cruz em Apodi/RN

Música: O Milagre das Águas (Dudé Viana / Roberto Homem). Clipe gravado na Barragem de Santa Cruz do Apodi (RN) na manhã de domingo, 20 de março de 2022, com participação do humorista Léo Viana, que alegrou mais o ambiente com história de pescador juntamente com o meu parceiro de clipes, Josemiro Xavier, e o grande artesão Chico Augusto nos brindou com um pouco da história do segundo maior reservatório do RN, a Barragem Santa Cruz do Apodi e sua capacidade total, que é de 599.712.000 m³.


Agradecimentos a todos que estiveram presente na nossa gravação, em especial a
Francisco Aires (apoio) Edjanete Fernandes (apoio) Vancildo Alves (pescador dono do barco) Francisco de Assis de Lima (pescador) Josemiro Xavier (apoio de cena) Léo Viana (humorista) Chico Augusto (artesão) Pedro Jailton (Estúdio Oliveira) Valeu, gente amiga! O Milagre das Águas (Dudé Viana / Roberto Homem) Água que escorre ligeira Forjando o verde que brota do chão Rio, riacho, ribeira Açude, barragem onde bebe o irmão A seca do verão castiga o sertanejo Desperta a aflição em todo lugarejo Se a chuva já demora e teima em não chegar José a Deus implora pro céu chuviscar Tempo bom no sertão, tem verde na paisagem E a água molha o chão no fim da estiagem O gado agradece ter o que beber Milagre acontece, o açude vai encher O lindo dom da vida volta a florescer Não vai faltar comida pra eu e você... Água que escorre ligeira Forjando o verde que brota do chão Rio, riacho, ribeira Açude, barragem onde bebe o irmão No céu um gavião vasculha o terreiro Procura sua presa, é como um cangaceiro Precisa de alimento, quer sobreviver Ataca de surpresa, ele vai comer Tempo bom no sertão, tem verde na paisagem E a água molha o chão no fim da estiagem O gado agradece ter o que beber Milagre acontece, o açude vai encher O lindo dom da vida volta a florescer Não vai faltar comida pra eu e você... Água que escorre ligeira Forjando o verde que brota do chão Rio, riacho, ribeira Açude, barragem onde bebe o irmão.

(Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. Quem puder ajudar o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com / Agradeço de coração a todos!) Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter

sexta-feira, 25 de março de 2022

Dudé Viana lança clipe de 'Canto a Riachuelo e a Guararapes' no Youtube

Música: 'Canto a Riachuelo e a Guararapes' (Dudé Viana / Luiz Cláudio). Clipe gravado na manhã de domingo, 20 de março de 2022, em frente à casa onde morava Nevaldo Rocha em Caraúbas (RN). - Gostaria de parabenizar o empresário e ser humano Nevaldo Rocha, pela brilhante ideia de associar seus grandes empreendimentos comerciais, as duas grandes batalhas que figuram na História do Brasil. São nada mais, nada menos que, as batalhas dos Guararapes e Riachuelo.


Agradecimentos: Raimundo Linhares (Apoio) Josemiro Xavier (Apoio de gravação) Marcos Orione Ferreira (Apoio) Pedro Jailton (Estúdio Oliveira) Canto a Riachuelo e a Guararapes (Dudé Viana / Luiz Cláudio) As batalhas Guararapes, irmãos! Contra a estada holandesa no Nordeste brasileiro Sou poeta um simples mensageiro Trago flores em minhas mãos Contudo, não precisamos de escalpes Batalha do Riachuelo evento E também um grande acontecimento Da Guerra do Paraguai. Eu, lá dos Alpes São importantes batalhas, no momento Canto a Riachuelo e a Guararapes!

Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe. Quem puder ajudar o canal Dudé Viana no próximo clipe, deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com / Agradeço de coração a todos! Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana Dudé Viana (@dudeviana) Instagram
Dudé Viana (@dudeviana) Twitter

segunda-feira, 21 de março de 2022

Dudé Viana canta São José de Chuva, com participação do humorista Velho Gominho, no Dia de São José

Música: São José de Chuva (Dudé Viana / Roberto Homem). Participação do Velho Gominho. Clipe ao vivo na entrada de Caraúbas/RN, feito por Jucilene Campos, na manhã deste sábado 19 de março de 2022.


Obrigado pela participação, Velho Gominho! Muito grato pelas imagens, Jucilene Campos! São José de Chuva (Dudé Viana / Roberto Homem) Benta por Jesus, abençoada Jorra das torneiras lá do céu Vem lavando a terra maltratada Um velhinho tira o chapéu Brota esperança em seu peito Vê que a planta vai frutificar Teve atendido o seu pleito Sabe que não foi em vão rezar São José de chuva é bom inverno Sábio ensinamento popular Água é como o leite materno Vida longa prova de amar Gado magro sente a nova força O seu alimento vai crescer Um sorriso ilumina a moça Sertanejo vai sobreviver Um rio esparrama generoso Volta pro seu leito original Como nosso Deus é poderoso O inverno é mais um sinal.

(Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like no clipe; E quem puder deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com). Agradeço de coração a todos! Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook.com/Dudé Viana Instagram/Dudé Viana
Twitter.com/Dudé Viana

sábado, 12 de março de 2022

Dudé Viana lança clipe de Vaquinha Genial no youtube

Música: Vaquinha Genial (Dudé Viana). Uma história real e cantada a pedidos.

Vaquinha Genial
(Dudé Viana)

Eu tive uma vaquinha Boa de leite e bem mansinha E que era genial Eu tirava das tetas belas E bebia do leite delas Ali mesmo no curral Era um leite espumoso No meu copo estiloso E pro bezerro capuchu A vaquinha me olhava E num gesto me falava Me sorria e fazia muu!

(Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like no clipe; E quem puder deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com). Agradeço de coração a todos!

Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) 
E-mail: dudeviana@gmail.com 
Facebook.com/Dudé Viana 
Instagram/Dudé Viana
Twitter.com/Dudé Viana

domingo, 6 de março de 2022

Dudé Viana lança novo clipe de Pássaro Mitológico, cantando pela paz no Youtube

Música: Pássaro Mitológico (Dudé Viana). Cantando pela Paz. Clipe com Dudé Viana (voz e violão), em exposição de arte na Casa do Cordel, em Natal - RN, na tarde de quinta-feira, 03/03/2022.

Pássaro Mitológico
(Dudé Viana)

Se eu pudesse voava em volta da terra 
E tirava os homens do campo de guerra 
Se eu pudesse voava ao encontro da paz 
E levava os homens para o lado vivaz 

Sou um pássaro mitológico, que na vida desvalida 
Renasce das próprias cinzas, obstinado pela vida 
Ai, ai, ai coração! Que insiste em sorrir 
Cantar, pacificar, crer em si 

Se houvesse mais diálogos, haveria menos problemas 
Se houvesse mais soluções, haveria menos violência 
Se houvesse mais justiça, haveria menos guerras 
E só assim dessa forma, haveria mais paz. 


(Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like no clipe; 
E quem puder deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com). 
Agradeço de coração a todos! 

Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) 
E-mail: dudeviana@gmail.com 
Facebook.com/Dudé Viana 
Instagram/Dudé Viana
Twitter.com/Dudé Viana

domingo, 27 de fevereiro de 2022

Morre poeta Plácido Amaral, uma grande perda para o cordel potiguar

Uma grande perda! Faleceu na tarde deste sábado (26), o poeta e fisioterapeuta Plácido Amaral, 63 anos, após 31 dias internado em UTI em Natal (RN), por sequelas de Covid-19. Era natural de Pernambuco e radicado em Caicó (RN), com título de cidadão. E autor do poema 'Desejo', que tive a honra de musicar e de fazer um videoclipe em pontos turísticos de Caicó, em maio de 2017, com a participação dele e do Zezinho Vídeo (filmagem e edição).

Na foto: Plácido, Eu e Zezinho.

Plácido Amaral, em 2018, escreveu a "Conversa de Lampião com Leandro Gomes de Barros ao lhe entregar o seu primeiro cordel" - para o nosso videoclipe da música: O Cordelista (Dudé Viana / Roberto Homem), interpretada pelo ator Dionízio do Apodi, clipe gravado em Mossoró, com participação dos poetas cordelistas Kydelmir Dantas e Abaeté do Cordel. Esse grande poeta cordelista, Plácido Amaral (Plácido Ferreira do Amaral Júnior), deixou um grande legado na história do cordel e a morte dele foi uma grande perda para a cultura do cordel potiguar.
Amigo, enquanto o meu coração bater, se Deus quiser, seguirei cantando nossa canção, Desejo, no canal deste cantautor no Youtube e aonde mais eu puder cantar.
Meus sentimentos aos familiares e amigos! Que Deus conforte todos! E dê muita paz e luz ao amigo na morada celestial!
Descanse em paz, parceiro Plácido Amaral!
Um forte abraço musical a todos!

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2022

Dudé Viana lança clipe - Música que Transforma - Alusão aos 100 anos da Semana de Arte Moderna

Música que Transforma (Dudé Viana) - Queria fazer um paralelo com a comemoração aos 100 anos da Semana de Arte Moderna de 1922, que aconteceu em São Paulo, entre os dias 11 e 18 de fevereiro, no Theatro Municipal da cidade. Composta por artistas, escritores, músicos e pintores...

Clipe gravado na tarde desta quinta-feira (17/02/2022) na entrada da Casa do Cordel, em Natal - RN.

Música que Transforma (Dudé Viana) Acredito nesse mundo Que olha para a música Além do toque musical, Que promove consciência E mais compromisso Socioambiental. Cantando em cima de serras Nas cidades e nos sertões, Música que transforma Nossa vida em canções. Vem com a gente passear Nessa vereda tropical, E se assim você gostar
Se inscreva no canal!

(Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe; E quem puder deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com). Agradeço de coração a todos! Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook / Dudé Viana Dudé Viana / Instagram Dudé Viana / Twitter

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2022

Dudé Viana lança clipe de "Pássaro Ferido" no Youtube

Clipe com Dudé Viana - voz e violão

Pássaro Ferido 
(Dudé Viana) 

Não quero o fim do nosso amor 
Diz amor, diz pra mim 
Não sei viver com essa dor 
Diz amor que não é o fim 

Só agora eu posso ver 
Que não tem sentido algum 
Minha vida sem você 
É mais que um tormento incomum 

Não tem sentido algum 
Sou um rio secando 
Um desertado perdido 
Estou louco por amor 
Eu sem você 
Sou um pássaro ferido.


 ( Olá, gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like aqui no clipe; 
E quem puder deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com ). 
Agradeço de coração a todos! 

Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) 
E-mail: dudeviana@gmail.com 
Facebook / Dudé Viana 
Dudé Viana / Instagram
Dudé Viana / Twitter

sábado, 29 de janeiro de 2022

Dudé Viana lança clipe da música 'Silêncio' no Youtube

Música: Silêncio (Dudé Viana / Wagner Soeiro). Clipe com Dudé Viana - voz e violão.


Silêncio (Dudé Viana / Wagner Soeiro) Não me pergunte o que fiz Ao longo desses anos Faz de conta que foi ontem Que a gente se viu Sinta este momento Curta mais este encontro Não pergunte por amigos Que eu não sei de ninguém Também não vou perguntar Como vai e o que fez Silêncio, às vezes é bom Você inda é tão bonita Por que não me abraça e beija? Amanhã é outro dia Estaremos distantes Distantes outra vez. (Salve, salve minha gente amiga! Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like no clipe, e se puder deixe uma doação voluntária de qualquer valor - Pix: dudeviana@gmail.com Agradeço de coração a todos vocês!) Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook / Dudé Viana Dudé Viana / Instagram
Dudé Viana / Twitter

quinta-feira, 20 de janeiro de 2022

Dudé Viana lança clipe 'Obrigado Deus pela Fortaleza' gravado no Forte dos Reis Magos

Música: Obrigado Deus pela Fortaleza (Dudé Viana / Troya D'Souza). Videoclipe gravado na Fortaleza dos Reis Magos, em Natal/RN, na manhã de terça-feira 18/01/2022. Lugar sugerido pelo amigo e exímio jornalista Junior Costa.

Nossos agradecimentos a Pedro Abech (administrador do Forte dos Reis Magos) e demais da equipe pela atenção! Apoio: Damião Gurgel Roberto Homem Pierre Bertholet Filmagem e edição: Rubens Medeiros


Obrigado Deus pela Fortaleza (Dudé Viana / Troya D’Souza) Ah! Se Deus me desse outra vida bem-vinda Para contemplar essa beleza infinda Que o grande universo colocou em ti. Se eu pudesse traduzir nos versos Revelaria a todo universo Quanta beleza vem do mar assim. Se um poema era suficiente Ou se teria que ser diferente Trazer de perto o mundo até você... Tua grandeza vem do oceano Em terra firme sois um novo plano Que expressa paz e amor dentro de mim. Se deste luz a luz desta cidade Natal existe e respira beleza Obrigado Deus pela fortaleza Que deste um dia de presente a mim.


(Se você gostou, se inscreva no nosso canal e deixe um like no clipe. A todos vocês agradeço de coração!) Contatos: 84 996487947 (Whatsapp) E-mail: dudeviana@gmail.com Facebook / Dudé Viana Dudé Viana / Instagram Dudé Viana / Twitte

domingo, 2 de janeiro de 2022

As Pessoas da Luz

As Pessoas da Luz

Daqui por diante e por algumas dezenas ou centenas de anos, as pessoas da luz vão ser maioria no planeta Terra. O futuro está batendo em nossa porta e todas as ideias, exceto as que envolvem preconceitos ou desrespeito ao meio ambiente, terão chance de se destacar. O que for importante para o planeta, ficará; o que for inútil desaparecerá para sempre.

Expulse de seu espírito todas as lembranças tristes, pois, remoer os erros não vai conseguir sará o mal que já houve! Dirija sua mente às recordações alegres, aos momentos felizes do passado, que com certeza, voltarão e acenderão uma luz, para que as trevas desapareçam para sempre. Não se conforme com a pior escravidão, que é a escravidão mental.
Acredite no seu potencial e vamos que vamos, é novo ano, é novo tempo! Muita saúde e paz, gente amiga!

Um forte abraço musical!

Foto de Dudé Viana no Maior Cajueiro do Mundo, em Pirangi - Parnamirim / RN, em 27 de dezembro de 2021, na gravação do videoclipe da música 'Aqui no Cajueiro' (Dudé Viana / Ítalo Filho), para o canal Dudé Viana no Youtube. Filmagem e edição: Pedro Wlgerlhes. Veja o nosso clipe no Youtube, apoie nosso trabalho. Agradecemos de coração!